sexta-feira, 3 de julho de 2009

Foi assim...


E foi assim que eu te amei

Por encantadas cartas secretas

Em folhas que guardam minhas letras

E tantos sentimentos que dediquei...


Minhas emoções ganhando vida

Invadindo nosso mundo paralelo

Sacrificando nosso querer sem elo

Fazendo da ausência uma ferida


O destino tecendo as suas águas...

Chovendo intensamente duas chuvas

Uma dentro e a outra fora de mim...


Nos traços contidos dessa história,

Guardarei todos em minha memória

E o silenciarei, onde ainda for voz em mim...



Tatiana Moreira






Que o seu coração esteja

pulsando feliz!



Meu eterno carinho!

92 comentários:

  1. Olá Tatiana, belo texto...Espectacular....
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Bom dia, Tati!
    Como é bom acordar e ler um lindo poema! Fico simplesmente extasiada, você domina o estro como ninguém!
    Mudando da água para o vinho, vc fazer um pouco de autopropaganda... Tenho mais dois Blogues, na verdade três:
    Um é o Twilight Forever:
    http://renatatwilightforever.blogspot.com (não sei se é assim)
    Outro é o O que me der na telha:
    http://renata-oquemeternatelha.blgspot.com
    E o último é o Salomé:
    http://blogrenatasalome.blogspot.com
    Caso vc queira visitar-me, há lugares onde ir.
    Beijos, querida, e continue escrevendo, pois vc´arrasa!
    Renata

    ResponderExcluir
  3. Lindo Tati.

    Tem selinho la pra vc.

    Fim de semana de luz.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  4. E assim se ama muitas vezes..pelas palavras..
    Otimo final de semana
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. QUERIDA TATIANA, BELÍSSIMO SONETO... COM MUITO AMOR!!!
    LINDO AMIGA... VOTOS DE BOM FIM DE SEMANA... ABRAÇOS DE CARINHO,
    FERNANDINHA

    ResponderExcluir
  6. Murmúrios de silêncio e melancolia estes teus versos sublimes!

    Adoro a forma como escreves os sentimentos, esse teu sentir pleno de amor.

    Um abraço de ternura

    ResponderExcluir
  7. Que lindo, simplesmente maravilhoso, amor, simplesmente amor:)
    Beijinhos miga

    ResponderExcluir
  8. Será que foi assim ou que ainda é assim...?
    Lindo poema
    Bom fim de semana
    Beijo de um anjo

    ResponderExcluir
  9. Maravilhoso!!! Amei e já estou te seguindo.

    Abçs
    Adriana

    ResponderExcluir
  10. Oi Tati,

    é incrível como suas palavras conseguem chegar de maneira sutil, e ao mesmo tempo penetrar com força na nossa alma, despertanto lembranças e sensações com intensidade, e ao ler tuas palavras que tenho certeza serem inspiração divina, me lembro de como é bom ter um coração, pra poder sentir e vivenciar esse teu lindo espaço.

    Bjs carinhosos

    WΔ££™

    ResponderExcluir
  11. Tatiana,

    O estilo de J.G. se assemelha muito ao seu...ambos maravilhosos!!

    Grata pela visita e tenha um lindo final de semana!!

    Beijos,

    Reggina Moon

    ResponderExcluir
  12. Oi Tatiana, querida. Eu que estou em falta contigo, por ser-me escasso o tempo. Esse tempo vil que me rouba a beleza, a contemplação que meus olhos almejam, aqui, acolá, diante de letras e versos, diante de palavras, de gestos, de carinho e abraço, eterno laço que une todos num único cordão...

    Querida, é bom estar aqui.

    Beijos, bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  13. Oi Tatiana, querida. Eu que estou em falta contigo, por ser-me escasso o tempo. Esse tempo vil que me rouba a beleza, a contemplação que meus olhos almejam, aqui, acolá, diante de letras e versos, diante de palavras, de gestos, de carinho e abraço, eterno laço que une todos num único cordão...

    Querida, é bom estar aqui.

    Beijos, bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  14. ...o amor é sempre lindo.

    em canto, ou em oração...

    um bj, linda poetisa!

    muahhhhhhhh

    ResponderExcluir
  15. Sempre lindo,Tatiana!

    Nos traços contidos dessa história,

    Guardarei todos em minha memória

    E o silenciarei, onde ainda for voz em mim...

    Bom fim de semana e um abraço com muito carinho!

    ResponderExcluir
  16. Ai Tatiana, você escreve tão lindo... aff, amei o que escreveu hoje.

    Beijo imenso, menina linda.

    Rebeca

    -

    ResponderExcluir
  17. Ei Tati! O blog "O que elas estão lendo!?" está com sorteio!

    Como você é nossa seguidora, viemos aqui te lembrar que amanhã é o último dia para participar.

    Como participar? Só deixar um comentário dizendo: Eu quero participar!

    Você vai estar concorrendo ao livro do famoso escritor brasileiro Pedro Drummond.

    Depois é só cruzar os dedos!

    beijos e boa sorte

    Equipe "O que elas estão lendo!?"
    www.elasestaolendo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Oi Tati, que belo poema!
    Translúcido e tocante...
    Bjssss e um bom fim de semana!!!

    ResponderExcluir
  19. QUE LINDO AMAR DERRAMADO EM TINTA ESCURA
    NOITES DE OCASO
    LÂNGUIDA MARESIA
    E OS DEDOS SEDA
    NA LAMPARINA DA NOITE
    PERDIDOS NA INTIMIDADE...
    UM LIVRO ABERTO...SECRETO
    O DESTINO ERGUIDO
    OJECTOS ESPALHADOS
    CANETA DE PENA
    NATUREZA-MORTA ADORMECIDA...

    BEIJINHOS , BOM FIM DE SEMANA
    E SÊ FELIZ

    ResponderExcluir
  20. Tati querida

    Estou com probleminhas para enviar comentários em alguns blogs amigos, deve ser a configuração...
    visito todos, as vezes consigo comentar outras não. Espero que agora consiga lhe enviar esse recadinho. rsr

    Tenha um feliz final de semana.

    Bjss

    ResponderExcluir
  21. Olá querida, muito lindo como sempre.
    Bom fim de semana para você. Meu carinho BJS.

    ResponderExcluir
  22. Tatiana, obrigada pela visita ao Fio. Seu blog é muito delicado, como convém aos poetas. Se quiser participe do evento poesia todo dia. Envie até 3 poemas seus para fiodeariadne.blog@gmail.com com url do seu blog que eu publico durante o mês de julho. Não é preciso ser inédito.

    Abraço

    ResponderExcluir
  23. Oi Tati belo texto um excelente fim de semana.
    Bjs

    ResponderExcluir
  24. Logo logo Tatiana eu e o tempo te prometemos que estarás sorrindo de novo e com poesias lindas como esta. Beijo

    ResponderExcluir
  25. Olá Tatiana,

    Vi um coment seu lá na Ana e ivm te conhecer. Adorei seu blog. Lindas palavras e imagens. Parabéns.

    :DD

    ResponderExcluir
  26. Chover duas chuvas... Chuvas que caem dos olhos... Palavras que escorrem como as chuvas e as águas em forma de palavras deitadas no papel.

    Assim escreves teu amor assim descreves tua arte de amar, escrever, poemar...
    Belo poema, Tati.

    Beijos, jovem poeta.

    ResponderExcluir
  27. Que poema lindo!
    Um pouco nostalgico, mas tão gostoso de ler...
    Perfeito!

    Um lindo final de semana.
    Bjos mil...

    ResponderExcluir
  28. teu amor recolhido ao silêncio gera lindos poemas.
    carinhos Tati

    ResponderExcluir
  29. "Nos traços contidos dessa história,
    Guardarei todos em minha memória
    E o silenciarei, onde ainda for voz em mim..."

    Melhor parte
    Lindo poema

    ResponderExcluir
  30. "Nos traços contidos dessa história,

    Guardarei todos em minha memória

    E o silenciarei, onde ainda for voz em mim..."
    ameei essa parte, lindo aqui
    beijoos

    ResponderExcluir
  31. As vezes tenho a sensação, a impressão que tem história que nunca ficam em silêncio.

    Sempre a admirar sua forma bela e inteligente de escrever.

    abraços com carinho

    ResponderExcluir
  32. Olá Tatiana
    a inspiração está ai como sempre,com esses belos
    sonetos.
    o resto o tempo pode dar uma ajuda às vezes ele
    é o melhor remédio.

    tudo de bom para você.

    um beijo bfds

    ResponderExcluir
  33. Adoray cara.!
    A ultima parte, mais ainda...
    Eu não consigo silenciar nada em minha voz.
    Principalmente fortes emoções.

    ResponderExcluir
  34. Obrigado pela visita. Você é muito talentosa. Lendo seu blog vejo que por suas "mãos" escorre pura inspiração e talento. Qualidades que eu não tenho.
    Tatiana, seja sempre feliz, pois isto é o que realmente importa nas nossas almas.
    bjaum

    ResponderExcluir
  35. Adoray cara.!
    A ultima parte, mais ainda...
    Eu não consigo silenciar nada em minha voz.
    Principalmente fortes emoções.

    ResponderExcluir
  36. Lindoooooooooo!

    Senti como se "Eu" estivesse escrito.. Já que amor assim, tão intenso eu tenho.
    Deu uma saudade louca do meu amor depois de ler isso aqui..

    Beijo, flor. Belo trabalho!

    ResponderExcluir
  37. Guardar as memórias em palavras belas ... torná-las imortais.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  38. Oi Tatiana, geralmente alguma parte dos poemas nos tocam mais fundo a alma, apesar do todo ter ficado muito bonito e completo em suas significações, esta estrofe faz refletir...

    O destino tecendo as suas águas...

    Chovendo intensamente duas chuvas

    Uma dentro e a outra fora de mim...

    As vezes isso acontece mesmo, é como se chovesse dentro da gente e fora uma tempestade também de intensidade igual, pulsando sem parar. Você foi super feliz nessa expressão, muito bonita. Esta relaçao de quem escreve com os sentimentos é uma viagem que nos acaba sendo proveitosa de alguma maneira. Parabéns pela forma e pelo jeito.
    Um ótimo final de semana para você...um abraço na alma...

    ResponderExcluir
  39. _________________________________________


    Lindo o seu poema! Foi um prazer vir aqui e ler...

    Beijos de luz e um dia feliz!!!

    _____________________________________________

    ResponderExcluir
  40. Tantas cartas que vazem ser eternas e verdadeiras ne Tati.......

    ms sera q preservamos...a maior carta..o amor....


    bjao

    ResponderExcluir
  41. “O poeta é um fingidor.
    Finge tão completamente
    Que chega a fingir que é dor
    A dor que deveras sente.
    E os que lêem o que escreve,
    Na dor lida sentem bem,
    Não as duas que ele teve,
    Mas só a que eles não têm.
    E assim nas calhas de roda
    Gira, a entreter a razão,
    Esse comboio de corda
    Que se chama coração.”

    (Fernando Pessoa)

    Desejo um lindo final de semana com muito amor e carinho.
    Abraços

    VISITE TAMBÉM O MEU NOVO BLOGGER UMA ILHA PARA AMAR

    ResponderExcluir
  42. Minha linda!
    Vim agrdecer as suas visitas. e dizer que este cantinho, continua sendo maravilhoso, encantados.
    Este poema é simplesmente belo.
    Como é bom amar, como é bom escrever em versos, rimas e poesias.
    Amor não tem dimensão. É pura magia.
    Com carinho
    Sandra

    ResponderExcluir
  43. Tudo me encanta por aqui, poesias, imagens. Continue sempre assim, escrevendo divinamente.

    Beijos no seu coração.

    ResponderExcluir
  44. Tatiana como é delicioso sentir tua poesia pulsando na gente. Amei esta. Bjos.

    ResponderExcluir
  45. Retribuindo a visita. Amei seu blog. BJUS

    ResponderExcluir
  46. seus peomas são envolventes apaixonantes obrigada por sua visita sempre carinhosa!

    ResponderExcluir
  47. É encantadora a maneira como escreve,linda Tatiana!

    Boa semana e beijinhos iluminados!

    ResponderExcluir
  48. E nos passos sofridos oprimidos sorridos .... escremos nosso diário....

    ResponderExcluir
  49. Que essa semana seja repleta de gdes realizações e muita paz pra vc amiga.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  50. Simplesmente extraordinário Tatiana, alias como sempre vem escrevendo,as vezes com um leve desassossego, mas com uma paixão nas palavras envolvente, parabéns menina.

    Otima semana pra voce,

    beijocass

    ResponderExcluir
  51. Teu blog tá lindo!

    Bj

    Boa semana!

    ResponderExcluir
  52. Tatiana

    Quando um amor pode ser tratado desse jeito, em poesia, como bem o interpertaste, temos de nos regozijar, não só pela poetisa, mas pelo próprio mundo, que nos chama a atenção também para coisas belas.
    Beijo,
    Daniel

    ResponderExcluir
  53. lindo este amor que vive nas páginas da memória
    beijo

    ResponderExcluir
  54. Bela e intensa, esta forma de amar.

    Abraço

    ResponderExcluir
  55. Oi Tatiana! Como vai?

    A sua sensibilidade continua linda!

    TENHA UMA ÓTIMA SEMANA!

    BEIJOS.

    ResponderExcluir
  56. Olá
    Simplesmente Lindoooooo!!!

    Beijoka

    ResponderExcluir
  57. concordo com o pessoal que gostou dos seus versos. Este ficou bastante belo. Com analogias interessantes.

    beijos

    ResponderExcluir
  58. Um dia eu tive um amor desses de ficar trocando cartas. Eu era tão feliz!
    Mas duro foi quando eu me tornei carta fora do baralho.
    Até deprimido eu fiquei!
    Daniel Hiver

    ResponderExcluir
  59. Logo a felicidade vai te sorrir novamente.

    Parabéns pelo blog!

    1 beijo!

    ResponderExcluir
  60. Belíssimo soneto,Tatiana!
    É emocionante voltar aqui.Há sempre uma sensação de que não se deve partir.
    Boa semana pra você.

    Beijos ternos!

    ResponderExcluir
  61. Belíssimo soneto,Tatiana!
    É emocinante voltar aqui.Há sempre uma sensação de que não se deve partir.

    Boa semana pra você.
    Beijos ternos!

    ResponderExcluir
  62. Minha linda poetisa. Quisera eu saber expressar tanto sentimento assim. Mas essas palvras falam o que quero dizer. Brigado por seus lindos versos. Bjos com muita ternura.

    ResponderExcluir
  63. Ha algo mais apaixonante que palavras?
    Só é superado quando as mesmas palavras são confirmadas por ações.

    carinho

    Denise

    ResponderExcluir
  64. Tati...

    Que belo poema!...

    Felicito-te doce Poeta!

    Beijos...

    ResponderExcluir
  65. E num texto lindo conseguiste transmitir a beleza de um amor tao forte e sincero...
    Beijinho de lua*.*

    ResponderExcluir
  66. Tati, um amor desses nao acaba jamais...lendo suas belas palavras sonhei com algo que pode acontecer ....incentivo a um sonho
    beijos joao

    ResponderExcluir
  67. Maravilhosa Amiga:
    Um poema repleto de doçura e encanto e de imensa significação.
    Dá para felectir. Profundo. Ímpar. Majestoso.
    Diz-me muito do seu gigante coração feito de poesia fascinante.
    Parabéns pela belíssima pessoalidade e interioridade fabulosas e meigas que possui.
    Excelente!
    Beijinhos amigos de imenso respeito.
    Sempre a estimá-la de forma gigante.


    pena


    Bem-Haja, pela sua linda amizade.
    Linda...!
    Ah, o amor como delicia assim. Fabuloso.

    ResponderExcluir
  68. Tatiana, será que algumdia saberemos como foi que amaos...

    Colocamos tantos sentimentos nas paixões, que as vezes no perdemos no meios deles...

    Seu poema chega a doer no peito...


    Beijos e carinhos!

    ResponderExcluir
  69. BELA TATI, Q COISA LINDA,VC COMO SEMPRE TOCA A ALMA DOS APAIXONADOS, AMAR ASSSIM NAO É FACIL, SEMPRE TEMOS UMA ESPERANÇA Q ESSE AMOR MEIO IMPOSSIVEL SE ENCONTRE LOGO...BJ NA ALMA, TENHA UMA SEMANA LINDA!!!!
    ELANE

    ResponderExcluir
  70. Acho tão bonito quando vale a pena lembrar de algo que passou :)

    ResponderExcluir
  71. ^^

    ola....

    achei super apaixonante...

    e super fora do normal...

    parabéns...


    Bejos...

    ResponderExcluir
  72. E é assim que sente as palavras!

    Passando para sorver e saborear
    Cada letra, palavra, frase, poema ou poesia…
    Para ler e ver, este jeito e modo de vida,
    O do universo das palavras!
    Pensamentos que aludo!
    Porque ler, sentir e sonhar
    Para muitos… pode dizer nada!
    Para outros… o nada pode dizer tudo!

    Um fim-de-semana
    Cheio de momentos e palavras
    De amor e alegria!

    -MANZAS-

    ResponderExcluir
  73. Lindas palavras de tristeza e de melancolia à volta do amor.

    Beijinho e bom fim de semana

    ResponderExcluir
  74. Olá Tatiana, adorei sua visita e vim conhecer seu espaço!
    Adorei seu poema, porque ele trata da lutirgia do papel. Quantas cartas de amor escrevi, ainda as temos (as minhas e as dele) amarradas com laços de fita, como deixávamos no papel pedaços de nós. Hoje tudo superado, mas ainda sinto falta das cartas...
    Um beijo!

    ResponderExcluir
  75. "...silenciarei, onde ainda for voz em mim..."

    Um grito. Em silêncio.

    Lindo, Tati.

    Beijos mil!!!

    ResponderExcluir
  76. ola querida to passando p t deixar um selinho ta no selinho e fotos anjo da quarda. bjus

    ResponderExcluir
  77. ola querida to passando p t deixar um selinho ta no selinho e fotos anjo da quarda. bjus
    o selinho é esse blog é d +

    ResponderExcluir
  78. Quando crescer quero ser igual você sabia?rsrsrs
    Que lindo minha amiga...sempre lindos poemas encontro por aqui!
    Beijos e bom Domingo pra você bonitinha!

    ResponderExcluir
  79. Seu poema é tão gostoso de se ler, fico fascinada sempre que venho aqui.

    Beijinhos no seu coração!

    ResponderExcluir
  80. Oi...adoro seu blog...adoro acompanha-lo,seguinte queria saber se vc podia me dar uma ajudinha...gostaria de colocar musicas no meu blogger...eu fiz ele faz pouco tempo, e tenho uma conta http://www.deezer.com/ tbm como você,aonde eu encontro esse aplicativo que vc utliza no seu blogger?será que podia me ajudar?
    obrigada!

    ResponderExcluir
  81. Que lindo!
    Você escreve com tanto sentimento!
    Beijinhosssssssssss

    ResponderExcluir
  82. Querida Tatiana, linda história de amor !!!
    Beijos carinhosos e uma ótima semana pra ti.

    Menina descalça.

    ResponderExcluir
  83. revi-me no q ecreveste, em olhos humedecidos...ha tatuagens de alma...eu ja fui chuva, e houve um vento...e continentes diferentes se amaram para lá da geografia! guarda-se sempre, depois a dor desaparece e fica a lembrança...bj grnd, minha kida amiga

    ResponderExcluir
  84. Este mar de fresco azul
    Estas pedras sentinelas constantes
    Estas ondas que adormecem nelas
    Vieram do mundo em formas navegantes

    O amargo das uvas verdes
    Cede ao sorriso do astro rei
    O doce invade os sentidos
    E a ternura impõe a sua lei


    Boa semana


    Mágico beijo

    ResponderExcluir

Fico feliz que você esteja aqui...