sexta-feira, 4 de janeiro de 2019

Minh'alma...


Onde você está
quando a dor dilacera
o meu peito?
Onde te encontrar
quando o meu mundo desmorona?

Sinto-me perdida de mim...

Por instantes...
Num clamor...
dos meus olhos
escapam lágrimas
e todo esse sentir pesa em minh'alma.

Sinto as carícias divinas
tocando minhas aflições,
acalentando as emoções..
Permaneço no silêncio
dos meus pensamentos...

Mesmo que na imensa dor...
mais uma lágrima insista em cair...

E você não está aqui!

*

Tatiana Moreira